Pavimentação – confira a opinião de um especialista

logoDynamis[1]

Pavimentação: Saiba Por que É Tão Importante!

Entrevista concedida por Mauro Lozano, Engenheiro Civil, especializado em Geotécnica e, também, professor da Academia TriGeo de Cursos Livres – que oferece qualificação e formação nas áreas de engenharia, arquitetura e urbanismo.

Por que fazer Pavimentação?

A Pavimentação é uma obra necessária para o uso do ser humano, seja nas vias públicas, estradas e locais privados onde há transportes. Esse uso é para que o veículo possa seguir seu destino de maneira satisfatória e não tenha problemas no meio do caminho. E isso se aplica para todos os tipos e portes de transportes, que pode ser alimentício, de carga, passeio ou outros segmentos.

E para que tudo ocorra da melhor maneira, é necessário que a pavimentação das vias esteja de acordo com o perfil de uso. Ou seja, adequada para receber os veículos em seus variados portes. Para isso, além de segurança e conforto à quem dirigi, a pavimentação pode ser realizada periodicamente para manutenção das vias e estradas, especialmente quando denotadas por estragos naturais como chuvas ou por muito tempo de uso e sobre peso nas vias.

Para isso, é necessária a contratação de empresas competentes, responsáveis e capacitadas em projetos de pavimentação, além de análises de solo e ensaios em laboratórios que averigúem as necessidades e deformidades do solo onde será feita a obra.

Quais são os diferenciais e vantagens em contratar a TriGeo para este serviço?

Os diferenciais são claros: a TriGeo é uma empresa que faz investigações de geotécnica e utiliza seu próprio laboratório, o que aperfeiçoa o resultado. Oferece custo menor ao contratante e, também, assume sozinha a responsabilidade da obra, pois não divide o êxito ou erros com outros prestadores de serviço, como é o caso de empresas que não realizam investigações e, para isso, contratam terceiros. Sendo assim, quando há erros, fica fácil identificar quem é a pessoa responsável e não acontece o jogo de empurra empurra que vemos em várias obras.

Como se dá a investigação geotécnica para pavimentação?

O que é importante é que o programa de investigação geotécnica seja feita de uma forma ciente e necessária, ou seja, se detecte todas as camadas de fundações do pavimento que afetam a vida útil dele. Isso, depende do tipo de contratação de obra e projeto, pois há vários perfis que demandam períodos de uso, como por exemplo, há projetos que podem durar entre cinco até 30 anos. Se a rua tiver trafego de carros de passeios, por exemplo, terá mais tempo de vida útil. No caso de vias com trafego intenso esse período pode ser menor, como acontece nas rodovias, em que a manutenção deve ser constante.

Qual o melhor período para a realização de obras de pavimentação?

O melhor período para se fazer obras de pavimentação é em períodos não chuvosos. Ainda, é importante dizer que dependem do tamanho delas e podem ser executadas em um mês ou mais. Depois da obra feita, se não for realizada de acordo com a qualidade devida, nos períodos chuvosos vão apresentar problemas. Mas, também, quando chove, é possível realizar as obras, pois os problemas comuns acontecem nestes períodos. Porém, vale ressaltar que impreterivelmente nas obras é necessário que o projeto contemple a drenagem superficial e interna das vias para evitar encharcamento e alagamentos.

Quais são os alertas que podem ajudar?

Os órgãos públicos, como as prefeituras, loteamentos e empresas privadas que possuem pavimentos internos, precisam deste tipo de serviço para evitar custos desnecessários e problemas de pavimentação. Mas é importante que a empresa contratada tenha experiência e saiba lidar com imprevistos, pois ao realizar investigações de solo, geotécnicas, podemos descobrir outros problemas e, assim, oferecer um diagnóstico sólido e conciso com as necessidades do projeto. Exatamente o que a TriGeo Engenharia Geotécnica oferece.

Sobre a TriGeo Engenharia Geotécnica: é uma empresa de Projetos e Consultoria em Engenharia Civil, especializada em Geotécnica, é única no país com dois laboratórios para estudos do solo e atuante há mais de 20 anos no mercado. Fundada e administrada por Mauro Hernandez Lozano – um dos maiores especialistas em Geotecnia no Brasil –, possui diferenciais importantes para garantir resultados acima do esperado e com garantia de satisfação plena para todos os tipos e portes de projetos. Seguindo essa linha de pensamento, a Dýnamis Engenharia Geotécnica é hoje considerada líder no estudo de solo e é a única que possui dois pólos de laboratórios, um em São Paulo e outro na cidade de Brotas, altamente qualificados para examinar e estudar todas as interfaces de um projeto geotécnico. Além disso, a empresa considera todos os profissionais que agregam seu corpo funcional como um elo importante para que todos os processos sejam concluídos com êxito.

Sobre Mauro Hernandez Lozano: é Engenheiro Civil (Universidade Mackenzie, 1977), com cursos de Pós-Graduação e Extensão (EPUSP, 1978/1980) na área de Mecânica dos Solos, Obras de Terra e Fundações. É especializado em Geotecnia e Fundador da Dýnamis Engenharia Geotécnica. Também, é Ex-Diretor-Técnico e Vice-Presidente, em duas gestões, do Instituto de Desenvolvimento Urbano (IDU); da Associação Brasileira de Empresas de Projeto e Consultoria em Engenharia Geotécnica (ABEG); Professor de Geotecnia durante 25 anos na Universidade Mackenzie; e Consultor Técnico do Ministério Público (MP).

Texto: JCG Comunicação

Jornalista Carina Gonçalves

Conheçam nossas mídias sociais:

Facebook; Orkut e LinkedIn: Dýnamis Engenharia Geotécnica / Twitter: @maurody

 

Deixe uma resposta